"Mais que uma peça de teatro, uma proposta inequívoca de reivenção da ética humanista."
Hotel Mariana
Julho 11, 2017

Hotel Mariana

Eram quase três e meia da tarde de 5 de novembro de 2015, um dia quente, como de costume no vale do Rio Doce, quando a barragem de rejeitos de minérios de Fundão, em Mariana-MG, com cerca de 55 bilhões de litros de lama espessa, rompeu-se sobre os distritos de Bento Rodrigues e Paracatu de Baixo. Depoimentos perturbadores e surpreendentes são colocados no palco e evidenciam a simplicidade de pessoas que perderam tudo ou quase tudo o que tinham. Da criança do grupo escolar ao velho da folia de reis, do ativista de direitos humanos à aposentada que escreve poemas, somos convidados a escutar os sobreviventes que, com suas histórias, traçam um panorama político, histórico e cultural do nosso país.

Hotel Mariana foi a primeira peça de teatro verbatim a ser indicada ao Prêmio Shell de Teatro. A dramaturgia de Herbert Bianchi e Munir Pedrosa teceu uma narrativa a partir de depoimentos de sobreviventes de Mariana (MG), que os atores reproduzem palavra por palavra em cena.

Esse espetáculo estreou na Estação Satyros em 5 de maio de 2017.

Ficha técnica

dramaturgia
HERBERT BIANCHI e MUNIR PEDROSA

direção
HERBERT BIANCHI

idealização e pesquisa
MUNIR PEDROSA

designer de luz
RODRIGO CAETANO

cenário
HERBERT BIANCHI e MARCELO MAFFEI

figurinos
BIA PIERATTI e CAROL REISSMAN

assistente de direção
LETÍCIA ROCHA

produção executiva e direção de produção
MUNIR PEDROSA

operador de luz
RICARDO BRETONES

assessoria de imprensa
POMBO CORREIO

Elenco:

ANGELA BARROS
BRUNO FELDMAN
CLARISSA DREBTCHINSKY
FANI FELDMAN
ISABEL SETTI
LUCY RAMOS
MARCELO ZORZETO
MUNIR PEDROSA
RITA BATATA
RODRIGO CAETANO

← Principal Contato →
Teatro Verbatim ® 2017 Todos os direitos reservados.